quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Uma palavra!!


Num momento
e apenas nesse momento
pelo menos por enquanto
quero dizer, numa palavra,
o que acrescenta à minha vida
ouvir heavy metal.

Eu, que já sou um senhor de 44 anos

com os dois punhos em riste 
brado com toda convicção:
"Felicidade"!!!



domingo, 30 de setembro de 2012

Folha em branco















Se há silêncio...
Se há uma folha em branco...
Se há uma tela sem pintura...
Devemos preenchê-los
Invadi-los com um pouco de nós.

Pois o vazio
É como um rosto sem sorriso,
É como um céu sem estrelas,
É como sentimentos
Que nunca mereceram ser expressos.

Ricardo Mann

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Síncrono

Foto: Peter Mann

A lua pertence tão somente a nós
Egoisticamente nos aprumamos a ela
Sincronicamente nos sintonizamos
Transmitimos olhares simultâneos
Decodificando a maravilhosa freqüência
Do amor realizado.

(Ricardo Mann)

terça-feira, 26 de junho de 2012

GATO AO SOL

Foto: André Mann

Uma vírgula,
Um desejo.
Quero estar no lugar
e hora certos
para que a paz me alcance

Quero uma pílula
para domar os males
e deles fazer antídoto
Quero o fogo na barriga
durante a criação

Quero um manto de calor
ficar enroscadinho
em meu cesto
Quero mãos de afago
para o bem do mundo

Quero uma certeza
que se desfaça
ante a verdade
Quero a tranqüilidade
de um gato ao sol

e serve  a rigidez de um tijolo
a praticidade da matemática
serve a  precisão do pêndulo
o  polo positivo  do imantado

Quero ficar trancado
num recipiente só meu
manter meus hábitos
esquivo
vontade-própria
uma vírgula,

Me parece que tudo embaralhado
e versos jogados para o alto
o que cair e não quebrar
é pura sorte, então
é poesia.

(Ricardo Mann)

domingo, 6 de maio de 2012

Mulher, me ensine a ser macho.



Mulher, me ensine a ser macho.
Me ensine a ser prático,
a conduzir a vida sem frescuras.
Me ensine a falar palavrão,
a não usar tanto o diminutivo.
Me ensine a comer pimenta,
a gostar de fígado.
Me ensine a tomar bebidas amargas,
a ficar mais resistente ao porre.
Me ensine a torcer no futebol,
a ser Rubro-Negro!
Me ensine a ser autêntico,
a mandar meu chefe prá aquele lugar.
Me ensine a ser pai,
A ser o “homem da casa”.
Me ensine a ser sem preconceitos,
a ainda ser verdadeiramente macho.
Me ensine a amar...
a amar uma mulher como ti!

(Ricardo Mann)

domingo, 8 de abril de 2012

A lua por nós dois


Meu amor, acorde!
Abra seus lindos olhos
sou eu, a sua menina
venha ver a noite ao meu lado
admire a lua que brilha por nós dois
sinta a brisa noturna em seu corpo
tal como meus dedos que deslizam em sua pele
meus lábios murmuram em seu ouvido
todas as juras de amor
destinadas somente a você
abra seus braços, aperte meu corpo
sinta o quanto preciso de você
pertenço a você
meu único e verdadeiro amor.

(Michele Michel)

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Ela é!


Há um ano descobri que existe uma mulher de verdade. Ela é real, ela é mulher, ela é mãe, ela é guerreira! Ela é sensacional, ela dá risada, ela me faz rir, ela faz meus amigos rirem. Ela fuma, ela tenta parar, ela bebe cerveja, ela fala palavrão. Ela gosta de futebol, ela é Mengoooo! Ela come carne. Ela é linda, ela se veste como quer, ela tem uns quilinhos a menos. Ela é inteligente, ela não crê em Deus, ela sonha o que é possível! Ela é desastrada, ela dá topada, ela topa tudo em qualquer lugar. Ela é companheira, ela me apóia, ela me bate quando mereço! Ela é autêntica, ela faz o que gosta, nem ouso revelar tudo que ela é. Ela não quer ser perfeita... Ela é perfeita para mim!
Ela é o sonho realizado para um homem que só deseja ser feliz!

(Ricardo Mann)

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Meu caminho de rochas intransponíveis


Meu caminho de rochas intransponíveis
Que escureciam os meus dias
Traziam o frio e o desamor

Você me trouxe luz
Transformando as rochas em pedras
Segurando minhas mãos
Ergueu-me em seus braços
Mesmo descalça as pedras não impediram meu caminho

Aos poucos
Nos abaixamos sorrindo
Admirando cada uma delas
Que de tão pequenas
As jogamos no mar

(Michele Michel)