domingo, 6 de junho de 2010

Fontes de Felicidade


Hoje, muito mais que outrora
necessito encontrar fontes de felicidade
a fazer par com as já desbravadas
pelas trilhas percorridas até então.

Invisível, quase solitário, mas forte
pelas minhas próprias mãos e pernas
enquanto a consciência me sustentar
sentirei a vida que circula neste corpo.

Vivemos e as coisas vão acontecendo
inevitavelmente, quer interfiramos ou não
deixo para lá as queixas pelo que tenho que remediar
e parto a buscar felicidade em novas fontes.